fbpx

Nugrão Blog

O Brasil possui hoje a incrível marca populacional de mais de 206 milhões pessoas (até o momento desta postagem) e segundo o IBGE, ela cresce a cada 20 segundos.

São mais de 206 milhões de pessoas, entre crianças, adolescentes, jovens, mulheres, homens, travestis, idosos, deficientes, e toda a diversidade e diferenças. Destes 206 milhões, estima-se que 13 milhões não saiba nem escrever este número por extenso (e talvez nem ler numericamente). Mesmo com a notória evolução dos últimos tempos, em média 10 milhões de pessoas vivem em extrema pobreza, vivendo com cerca de R$ 4,81 por dia para moradia, comida, saúde e vestimenta. E apenas 1% da população do país detém 27% de toda a riqueza.

Você já se pegou pensando em fazer algo de diferente pelo meio ambiente, ou por aqueles mais pobres da sua vizinhança e do seu país, mas foi censurado pelo sentimento de “mas nada vai mudar”, “só eu não farei diferença”?

Então vamos pensar numa conta mais bonita: e se estes 206 milhões de cidadãos resolvessem se ajudar? Ou se apenas aquele 1% resolvesse agir. Não teríamos o nosso quadro de hoje. Mas infelizmente, ainda não atingimos esta incrível marcar, mas quem sabe um dia.

Por hora, vamos contar com as pequenas boas ações que podemos fazer no dia-a-dia, como pagar uma refeição a quem não tem o que comer, doar aquelas roupas encalhadas no armário à uma instituição de sua confiança ou indo diretamente as ruas ou comunidades, participando de projetos sociais ou algo mais valioso que material: o olhar!

Você poderá fazer algo pela sociedade de forma individual, mas caso precise de um empurrãozinho, orientação e uma experiência inesquecível, poderá participar de uma das atividades da ONG TETO.

O TETO é uma organização há 10 anos no Brasil que trabalha pela defesa dos direitos de pessoas que vivem nas favelas mais precárias e invisíveis, diminuindo sua vulnerabilidade por meio do engajamento comunitário e da mobilização de jovens voluntários.

Esta ONG identifica os locais mais precários e busca estabelecer o engajamento da comunidade como cidadãos ativos que possam desenvolver soluções para seus problemas, busca as famílias com moradias mais precárias para a construção de casas mais resistentes, multiplica e estimula a visão crítica de voluntários buscando o engajamento em soluções sólidas para redução da pobreza.

Um dos projetos do TETO é a “ECO- Ouvindo Comunidades” em que o voluntário colabora com a aplicação de enquetes em comunidades e tem a oportunidade de conhecer um pouco mais a história das pessoas que vivem nos locais mais precários da cidade.

A partir destes dados, é possível identificar onde aplicar maiores esforços de amparo, seja para a construção das novas casas ou para o estabelecimento de grupos de apoio a comunidade e desenvolvimento de projetos.

Participar destas ações fará tão bem a você quanto àqueles com quem você trabalhará.

Você também pode contribuir financeiramente para garantir a permanência dos serviços da ONG.

Você poderá saber absolutamente tudo clicando aqui.

Deixe seu comentário :)

Your email address will not be published.

Seu comentário*

Name*

Email*

Website*

0